SEJA UM BOM LÍDER DO SEU CÃO!

artigo escrito por Pamela Johnson traduzido e retirado do Blog Pam's Dog Academy

Para mim, “líder” é sinónimo de Guia e não de Ditador. Um bom líder deve comunicar através das consequências dos comportamentos, esforçando-se por ganhar a confiança e respeito, e criando objectivos de treino, guiando através da criação de contingências que façam o cão ser bem sucedido e não falhar e motivar o cão!


Bons líderes dão o exemplo através das suas acções, explicando e comunicando claramente aquilo que esperam e aquilo que é aceitável. Para todos os comportamentos devem existir consequências, mas nunca em nenhuma instância ser um bom líder implica o uso de punição física ou verbal, intimidação ou acções agressivas. Os cães NÃO SÃO LOBOS, nem os humanos precisam de tornar os cães submissos ou mostrar dominância sobre os mesmos. Como diz uma das referências mundiais de agility “positivo não é permissivo”. Isto quer dizer que, lá porque somos positivos com os nossos cães que deixamos que eles façam o que querem. Para assegurarmos as consequências apenas temos que reforçar comportamentos apropriados, interromper comportamento inapropriados e prevenir que o cão seja reforçado quando pratica comportamentos inapropriados. Você pode interromper um comportamento soando um som que chama a atenção do cão e que foi previamente treinado através de reforço positivo ou interromper usando chamamento. Não existe necessidade nenhuma de sermos ditadores para interrompermos comportamentos. Recentes dados científicos provam que agressão direccionada aos animais aumenta as hormonas que causam stress. Por isso o efeito reverso está no aumento da agressão e de comportamentos originados por stress nos cães que por sua vez originam no aparecimento de mais problemas comportamentais nos cães.

Num mundo onde a maioria das pessoas quer um cão para companhia um líder benevolente está a tornar-se a forma mais popular de treino. O cão adquire o papel de parceiro no treino, feliz, motivado e com vontade de aprender; enquanto o dono se esforça por ser o melhor líder para o seu cão. Eu adoro ter bons resultados e sinto-me orgulhosa quando os obtenho sabendo que nunca tive que berrar ou fisicamente punir o cão. Qual é o segredo? Bom, aprender a ser um bom líder, é na minha opinião, o que é preciso.

1.Comunicação Clara

Treino com clicker ou com um marcador, vai ajudar a fazer a ponte entre você e o seu cão e é uma forma fantástica de comunicar claramente. Ou o cão oferece o comportamento correcto e é recompensado ou oferece o comportamento errado e terá que tentar de novo. Todas as espécies animais, incluindo os seres humanos, podem ser treinadas com marcadores. É como se você estivesse a tirar uma fotografia dos comportamentos que gosta e segui-los com um reforço para garantir que esses comportamentos se repitam mais vezes. Após ter condicionado o cão a perceber o que o marcador, ou o clicker significa, você estabeleceu uma forma de comunicação clara e eficaz. Na minha opinião, é preciso que sejamos responsáveis pelo treino dos nossos cães. Parte do treino passa por ensinar o cão aquilo que quer que ele faça; na vez de puni-lo por fazer aquilo que lhe é natural. Através do treino de clicker você pode estabelecer uma forma clara e eficaz de comunicar com o seu amigo.
Um dono responsável ensina o seu cão como pode obter privilégios e recompensas.

Todos nós trabalhamos de modo a obtermos aquilo que queremos ou precisamos. Os nossos cães podem trabalhar para obter o jantar, a brincadeira, afecto, atenção, coisas do ambiente e tudo aquilo que ele sempre quis. Um líder estabelece as regras e aplica-as duma forma justa e respeitosa. Ninguém precisa submeter ou intimidar um cão para assegurar que ele ouve e segue as regras. Treinar um cão usando a força ou agressão física da forma que é demonstrada por muitos que se gostam de auto intitular “líderes da matilha” originará num cão que aprende que agressão, força e intimidação são comportamentos aceitáveis. Agressão gera agressão. Eu sou uma treinadora de reforço progressivo e uso um marcador. Eu tenho regras restritas para quase tudo, cumprimentar (pessoas e outros cães), caminhar na trela, vir quando chamados, saber onde pode fazer as necessidades, como brincar de forma apropriada e como “se comportar”, apenas para listar algumas.

Se você não consegue comunicar ao seu cão o que pretende dele, ele vai aprender na mesma, mas irá ele aprender os comportamentos aceitáveis? O mais provável é que não aprenda o que é aceitável, mas antes o que é divertido e o que lhe trás vantagens. Ladrar, puxar, perseguir gatos, saltar para cima de pessoas são comportamentos altamente reforçantes para os cães, algo que eles adoram fazer! Mas o que é que você quer que o seu cão aprenda? Quando você responder a essa pergunta, você estará preparado para comunicar e reforçar as escolhas adequadas que o seu cão faz, guiando-o na direcção certa e a ensiná-lo a aprender e a ganhar da vida o que precisa.

Quando alguém treina o seu cão usando este tipo de relacionamento os laços entre você e o seu cão vão se fortalecer e aquilo que você conseguirá fazer em conjunto com o seu cão é ilimitado.

“A arte de comunicar é a linguagem da liderança” – James Humes


2.Confiança e Respeito

Alinhe as suas palavras com as suas acções. Seja fiel aquilo que acredita e naquilo que você é. As suas crenças são a fundação de cada decisão e cada acção que você faz. É isso que o torna fiável e respeitável, quando lida com cães ou humanos.
É importante estabelecer confiança, respeito e que o cão saiba que aconteça o que acontecer o seu líder irá protegê-lo, tomar conta dele e mantê-lo longe de perigo. Dê ao seu cão 100% da sua atenção quando trabalha com ele, esteja onde estiver, esteja lá. Seja um líder dedicado porque o seu cão merece. Os relacionamentos humano-caninos são construídos na base da confiança e não da dominância. Por isso, seja consistente e justo. Treinar ou ensinar o cão não é muito diferente do que ensinar a criança. Na nossa sociedade não é aceitável maltratar, fisicamente punir ou berrar com as crianças, por isso porque é que tantas pessoas sentem a necessidade de fazer essas coisas aos cães? Punições físicas, intimidação e força apenas irão destruir a confiança e o respeito.

“Você não lidera batendo nas pessoas – isso é abuso não é liderança” – Eisenhower

3.Estabelecer Objectivos e um Plano

É importante saber e escrever aquilo que quer fazer e estabelecer objectivos realistas e que podem ser atingidos de forma a conseguir um plano de treino bem sucedido e eficaz. Estabelecer objectivos curtos e fáceis de atingir através de um plano de treino, fazendo mudanças onde é necessário e ser paciente de forma a permitir que a aprendizagem ocorra é o que grandes líderes fazem. Estabeleça objectivos que permitam que o cão seja bem sucedido e atinja com facilidade e o encorajam a brincar o jogo chamado “treinar”. Se você quer que o seu cão seja bem sucedido ajuda ter um plano muito bem pensado. Quando um cão é bem sucedido e recompensado pelo seu árduo trabalho, ajuda a construir a sua auto confiança e a construir um relacionamento forte entre o treinador e o cão. Quando o seu cão desenvolver um desejo de trabalhar, é uma situação em que todos ganham.
Um bom líder pode reconhcer quando as coisas correm mal durante o treino e podem tornar esses momentos em experiências de aprendizagem e formular um novo plano que irá tornar a próxima sessão de treino num bem sucedida. É importante apreciar as diferenças nos cães, retirar o melhor da força de cada um, e construir um plano de treino de acordo com cada cão.

Eu tenho um cão cruzado de Husky e dois Border Collies e não espero que o meu cão cruzado de Husky seja capaz de fazer alguns dos truques que os meus Border Collies fazem. Eu escolho truques que são aceitáveis para o seu tamanho e modifico-os assegurando-me que ele é capaz de fazer. Também não espero que ele aprenda ao mesmo ritmo que os meus Border Collies. Ele é no entanto, muito esperto e porque o ensinei a aprender, ela aprende os truques com muita rapidez. As pessoas podem pensar que ela é tão inteligente quanto um Border Collie. Eu estabeleço objectivos e planos de treino nos quais tenho a certeza que ela é bem sucedida em tudo o que lhe ensino.

“Um dos grandes testes de liderança é a capacidade de reconhecer o problema antes que este se torne uma urgência” – Glasow

4.Proporcionar oportunidades para aprender

Os grandes líderes dos cães proporcionam oportunidades para o cão aprender usando planos de treino bem pensados e guiando os cães na direcção certa. É importante dar ao cão a oportunidade de pensar por ele mesmo, perceber as coisas por si mesmo, e aprender sozinho. Assegure-se que o ambiente no qual o cão aprende é seguro e não causará regressão no treino, dano ou acabe por ser uma má experiência para o cão. Faça com os seus cães jogos que o fazem aprender e ajude-o a tornar confiante, seguro e bem ajustado.

“A educação é a mãe da liderança” – Wendell Willkie

5.Motivação e Diversão!

É importante ser capaz de motivar o aluno e criar valor por aquilo que o treinador quer porque isso é no melhor interesse do cão. O cão é recompensado através da brincadeira, comida, o ambiente e qualquer outra coisa que o seu cão considere valioso. Os bons líderes são creativos e sabem como criar diversão e serem imaginativos. Einstein escreveu: “imaginação é mais importante que o conhecimento”. A habilidade em pensar e ver as coisas de forma diferente permite aos líderes seguir novos caminhos na vez de seguir os outros. Procure novas formas de motivar e em retorno trilhe novos caminhos e novas possibilidades.

“A liderança é a arte de conseguir que alguém faça o que você quer porque ele o quer fazer” – Einsenhower

Concluindo, treine o seu cão a fazer o que você quer. Seja o seu guia ensinando-o comportamento apropriados e recompensando-o. O seu cão irá repetir tudo aquilo que é reforçado. Por isso, certifique-se que recompensa coisas que são aceitáveis ou ele irá encontrar por própria iniciativa coisas que o reforcem. Um exemplo disto são os cães que ladram às pessoas que passam por isso ser altamente reforçante, o seu trabalho será tornar o cão ficar quieto quando as pessoas passam ainda mais reforçante do que ladrar.

Você pode ser um bom líder Você pode fazer a diferença, promover mudanças, ser bem sucedido e ganhar o respeito dos seus colegas, amigos, vizinhos, crianças, maridos, esposas e sim até do seu cão sendo um excelente líder.

Por Pamela Johnson

Comentários

Marta Afonso disse…
gralha:

"Isto quer dizer que, lá porque somos positivos com os nossos cães que deixamos que eles façam o que querem."

sugestão de correcção:

"Isto quer dizer que, lá porque somos positivos com os nossos cães, não significa que deixamos que eles façam o que querem."


Ah, e atenção ao novo acordo ortográfico, já entrou em vigor xD
Marta muito obrigada pela correcção eu realmente e com muita vergonha minha dou muitos pontapés na minha querida língua materna, mesmo sem olhar ao acordo por isso está a ver o meu grande problema, é necessário corrigir os artigos antes de os publicar mas o tempo escasseia e por vezes a pressa piora o que já é de si mau. Obrigada :D
Gratidão pela tradução!
Ah! Tbém falho na ortografia... prefiro os cães! ahahaha!
Beijos querida!

Mensagens populares deste blogue

5 mitos do cão "agressivo"

NÃO QUEIRA UM CÃO DE GUARDA Por Claudia Estanislau

Estimulação Mental com a Amanda