Pedigree Dogs Exposed, a Reportagem


A BBC recentemente exibiu um programa acerca dos cães de Pedigree, da sua criação e manipulação pelos criadores e mais especificamente pelo Kennel Club.

O vídeo tem58 mnts e está todo em inglês. Para aqueles que conseguirem perceber o que está a ser dito, aconselho a verem a reportagem na totalidade e ouvirem os diferentes relatos e tirarem as vossas conclusões.

O mais importante desta lição para mim é que serão sempre as pessoas com visão curta e distorcida da realidade que vão negar os testemunhos de pessoas como genéticistas, biólogos, veterinários dizendo que não admitem que cientistas venham-lhes dizer o que se passa com os cães "deles". Pessoas essas que adquiriram o seu estatuto apenas por longevidade e não por mérito de conhecimentos válidos no bem-estar, genética ou comportamento do animal.

A ciência irá sempre ser um obstáculo na mente dos "tacanhos" e "inadequados", como disse Einstein: "Grandes espíritos sempre encontraram muita violência e oposição de mentes medíocres” mas os cientistas e mesmo os donos de cães que apenas querem que os seus cães não morram de doenças crónicas/hereditárias, não têm uma agenda.

Estas pessoas ao contrário do Kennel Club e de alguns criadores (infelizmente a maioria), têm apenas um motivo para falarem pelos animais, o seu bem-estar e o melhor para eles. Estes cientistas e donos de cães, não ganham concursos, nem medalhas, eles apenas zelam pelo que é melhor para os nosso amigos de 4 patas.

Esta reportagem é o 1º passo numa mudança e no entendimento de que nem sempre um criador ou um representante de um clube de canicultura é uma pessoa culta, informada e com interesses altruístas. Mas podem ser pessoas que querem fazer o papel de Deus na criação e manipulação dos animais, seja qual fôr o preço.

Quando procurar um criador, fale com ele e descubra se esse criador tem por interesse criar um cão "bonito", que segue um estalão determinado por uma instituição que promove a criação de cães doentes e com deformidades, ou se é um criador que tem mais interesse em criar um cão com um temperamento saudável, com saúde e que coloca o aspecto estético de lado.

Estes criadores existem e está na altura de começarmos a dar mais valor a esses porque esses é que querem o melhor para nós e acima de tudo para os nossos cães. Faça-no pelos cães e para os cães.

O vídeo encontra-se aqui

Comentários

Sara Favinha disse…
Cláudia, muito importante seu texto, acho que é algo que deve realmente começar a ser discutido no mundo da cinofilia.

Os cães é que pagam o preço, nascendo em um corpo que não conseguem sustentar, ou sofrendo de diversos problemas de pele devido ao excesso dela, ou pior, não conseguem passear com seus donos, pois com o focinho tão curto não podem respirar corretamente. Além disto, existe a miniaturização, esse BOOM de procura por cães minúsculos, que acabam sendo fracos e cheios de problemas de conformação e saúde.

Mensagens populares deste blogue

5 mitos do cão "agressivo"

NÃO QUEIRA UM CÃO DE GUARDA Por Claudia Estanislau

Estimulação Mental com a Amanda