ESTERILIZAR OU NÃO?

ESTERILIZAR OU NÃO?

A esterilização é um tema que origina sempre discussões acesas entre aqueles que a defendem como forma de controlar o excesso de população (mais cães do que famílias que os acolham) e aqueles que acham que a esterilização é apenas uma questão de comodismo e acarreta problemas por si só.
Neste artigo vamos explorar a componente comportamental associada à esterilização, respondendo a algumas questões frequentes acerca da mesma.

Personalidade

Esta é a frase mais ouvida quando ouvimos alguém falar acerca da esterilização, será que os cães ficam mesmo mais calmos? Mudam a sua personalidade?

Após a esterilização não deve esperar que o seu cão fique mais calmo, visto que a mesma não vai alterar o nível de energia do seu cão. O que pode esperar é uma diminuição na impulsividade do mesmo, resultado da diminuição das hormonas (masculinos ou femininas) e garantido que a personalidade do cão não está directamente relacionada com o facto do seu cão ou cadela estarem esterilizados.  

O meu cão vai deixar de ser agressivo

A agressão é um comportamento aprendido pelo que não vai diminuir apenas com a castração. O que podemos esperar com a castração de um cão que seja agressivo com outros cães é, novamente, uma diminuição na impulsividade o que nos ajudará durante o processo de modificação comportamental e tornará o processo mais rápido e eficaz.

Uma grande diferença a nível da interação com outros cães é que o seu cão deixará de ser visto como uma ameaça ao acesso a um recuso, nomeadamente a possibilidade de aceder a fêmeas, diminuindo muita da tensão e evitando brigas, nesse sentido a castração ajuda imenso a que as interacções com outros cães sejam mais pacíficas.

Lembre-se que o cio das cadelas, é caracteristicamente duas vezes por ano, mas os cães machos estão em constante "cio", isto é, estão sempre preparados para procriar. O excesso de testosterona provoca, impulsividade, exaltação e conflitos com outros cães. Cães muito seguros de si, não esterilizados, tornam-se brutos e impulsivos nas suas interacções. Se existirem fêmeas no grupo piora consideravelmente, pois estes começam a ficar muito focados nas fêmeas e no cheiro diferente que estas emanam. Muitas cadelas entram em conflito e sofrem de "bullying" pelos cães machos que andam sempre atrás delas (e não só quando estão com cio) e os outros cães machos, castrados ou não, acabam também eles por terem interacções intensas que causam muitas vezes brigas.

A interação com outros cães torna-se mais fácil, principalmente se viverem na mesma casa, em constante comunicação uns com os outros.

O meu cão vai deixar de marcar

A castração diminui efectivamente a marcação quando este não é já um comportamento aprendido, quanto mais reforçado tiver sido menos probabilidade terá de reduzir com a castração.

A castração é eficaz na redução drástica do castrar quando é feita por volta dos 6/7 meses altura em que, a maior parte dos cães, começa a fazê-lo.
Castrações tardias podem ou não reduzir este comportamento dependendo do caso, não sendo tão eficaz e muitas vezes não tendo influencia nenhuma no comportamento.

Se o seu cão marca há muito tempo, a castração tem o efeito de diminuir este comportamento natural nos primeiros meses, voltando ao normal mais para a frente. Os comportamentos dos cães quanto mais praticados mais vezes são oferecidos, por isso uma castração assim que os cães têm os ossos e sistema morfológico devidamente desenvolvido, é essencial.

O meu cão vai ficar mais obediente

Após a esterilização não espere simplesmente que o seu cão, de repente, responda a todos os sinais verbais só porque sim. O seu cão não ficará mais
obediente mas será mais fácil mantê-lo concentrado em si em ambientes mais estimulantes.

Cães castrados, não se preocupam tanto com a presença de outros cães na zona, nem machos nem fêmeas. Muitas vezes têm interacções mais pacíficas com os mesmos, e menos intensas e preocupantes, e como elimina essa grande fonte de distracção, consequentemente será mais fácil o focus. No entanto, é muito importante focar que obediência é conseguida através de treino positivo, constante e eficaz.

O meu cão vai deixar de tentar fugir

Muitas vezes, em ocasiões de cio, pode ser muito difícil manter o seu cão perto de si quando ele está solto ou mesmo evitar que fuja a correr pelo portão enquanto a família tenta entrar em casa. A esterilização reduz ou elimina o comportamento de vaguear, associado com a procura de fêmeas em cio, evitando os riscos associados a estas fugas.

Dito isto, é importante lembrar que todos os cães requerem um treino eficaz e positivo do chamamento. Como a obediência atrás focada, o seu companheiro vai ter mais facilidade a responder ao treino do chamamento se não estiver preocupado em ir atrás dos outros cães, ou cadelas.

Quando devo esterilizar?

É importante lembrar que cada caso é um caso. A nível comportamental podemos definir duas alturas ideais para dois grupos gerais:
  • Por volta dos 6 meses (dependendo um pouco da raça) para cães não medrosos ou fóbicos. É ainda a altura certa para reduzir a marcação e outros comportamentos que, surgindo nesta altura, são logo reduzidos não tendo oportunidade de se tornar comportamentos aprendidos (pela repetição do comportamento e reforço consequente)

  • Esterilização mais tardia, conversando com o treinador e veterinário, para cães ou cadelas medrosos/as ou fóbicos já que a testosterona dará uma ajuda no processo de modificação comportamental

Esterilizar

Em suma, existem diversas vantagens a nível comportamental para a esterilização de cães e cadelas sendo que cada caso deve ser analisado individualmente.

Não devemos simplesmente partir do princípio que a esterilização é a cura para todos os problemas comportamentais que os cães possam apresentar, mas sem dúvida que do ponto de vista comportamental esterilização é sempre vantajoso em variados aspectos, quer dos cães quer das cadelas.

A esterilização é ainda uma importante ajuda para manter uma interação positiva entre cães na mesma casa, evitando muitos conflitos que poderão deteriorar esta relação.

A nível médico existem ainda muitas vantagens que devem ser discutidas com o médico veterinário assistente.

Esterilizar um acto consciente e informado

Queremos frisar que esterilização é um acto de um dono responsável, pois o número excessivo de animais que não têm lar, excede em milhões os lares disponíveis para os mesmos.

Lembre-se que acidentes acontecem, e por mais responsáveis que sejam as pessoas com os seus cães, vantagens na esterilização suplanta grandemente os perigos ou desvantagens das mesmas, e evitamos mais cães num mundo que lhes é tão cruel.

Não julgamos ninguém que decida comprar cães, que se o quiserem fazer que procurem cuidadosamente onde os vão adquirir, no entanto, saiba que milhares de cães, esperam ansiosamente alguém que os ame, cães que irão amá-lo incondicionalmente.

A IAAD apoia e incentiva a adopção de cães

ADOPTE NÃO COMPRE 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

5 mitos do cão "agressivo"

NÃO QUEIRA UM CÃO DE GUARDA Por Claudia Estanislau

Estimulação Mental com a Amanda